terça-feira, 22 de janeiro de 2013

A marcha guerrilheira da Coluna Prestes

A Coluna Prestes foi um movimento político, liderado por militares, contrário ao governo da República Velha e às elites agrárias. Este movimento ocorreu entre os anos de 1925 e 1927. Teve este nome, pois um dos líderes do movimento foi o capitão Luís Carlos Prestes.


Apenas dois anos depois da Revolta dos Dezoito do forte,em 1924,estouraram novas revoltas em diversas guarnições.Dessa vez,com um número mais expressivo de militares envolvidos.Mesmo assim,o governo levou a melhor.Os rebeldes então fugiram para o interior do Brasil.Naquela época,até mesmo no estado de São Paulo havia florestas virgens.Foi no meio do mato que se encontraram as forças tenentistas que fugiam de São Paulo e do Rio Grande do Sul.Formaram um pequeno exército de 1.500 homens.No comando militar,um jovem gaúcho,capitão do Exército,com ideais tenentistas: Luís Carlos Prestes.

Luís Carlos Prestes

Fugindo das forças do governo,combatendo com táticas de guerrilha,o pequeno grupo recebeu o nome de Coluna Prestes.De 1924 a 1927,eles percorreram o Brasil de sul a norte.Foram 25 mil quilômetros de caminhada e mais de cinquenta combates vitoriosos! Para que você tenha uma ideia,essa foi,até hoje,em termos de distância percorrida,simplesmente a maior marcha guerrilheira de toda a história humana!

Depois de três anos de batalhas,os bravos guerrilheiros resolveram se exilar em países como a Bolívia e o Uruguai.Prestes ficaria como símbolo da luta tenentista contra as oligarquias.Ganhou o apelido imortal de Cavaleiro da Esperança. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário